31Descubra como mudar seus hábitos com PNL

Uma das grandes contribuições de Sigmund Freud para a humanidade foi a ideia de que possuímos um inconsciente. E, segundo ele, é nessa área da nossa mente que estão armazenadas diversas informações das quais sequer damos conta da existência.

Pesquisadores da Universidade de New South Wales decidiram estudar mais a fundo a teoria de Freud e reuniram evidências de que o pensamento inconsciente pode exercer grande influência em nossa tomada de decisões, que muitas vezes atribuímos ser prioritariamente racional.

A mente acaba guiando, sem que a gente perceba, até mesmo pequenas atitudes que tomamos em nosso dia a dia, seja a escolha de uma peça de roupa durante a manhã, o que vamos comer no almoço ou até mesmo qual caminho tomamos para ir ao trabalho.

Ou seja, nossos hábitos estão intimamente ligados ao nosso inconsciente, muito mais do que imaginamos.

Então, se você possui um hábito que aparece em momentos inoportunos, podendo desviá-lo de conquistar o que você deseja, como seria possível alterá-lo?

Neste sentido, a Programação Neurolinguística surge como uma grande aliada e uma resposta para esse desafio, ajudando as pessoas a identificarem comportamentos e mudarem hábitos, a partir dos seus inconscientes.

O primeiro passo é reconhecer qual hábito você deseja mudar, buscando entender até mesmo se há momentos em que esse hábito é benéfico a você. E então, ao trazer esse hábito para o plano consciente, você poderá mudar seu comportamento e chegar a novas atitudes.

Você pode construir algumas afirmações a respeito do hábito, ajudando a pensar a existência dessa ação. Antes de realizar aquela atitude, você verbaliza a ação e a consequência desta ação.

Para ficar mais claro, vamos a um exemplo prático: se você precisa estudar para um exame importante ou para realizar seu trabalho, mas acaba passando muito tempo nas redes sociais, você identifica o comportamento (uma ação concreta) e então passa a verbalizá-lo.

“Neste momento eu decido acessar a minha rede social, mesmo que isso me deixe atrasado com as minhas tarefas, podendo gerar estresse e agitação posteriormente”.

Ao fazer isso, você está tornando as suas ações mais conscientes, incluindo quais serão as consequências – o que ajuda a tomada de decisão, uma vez que você irá considerar os resultados.

Modelo pode ser aplicado em outras situações

Tente fazer este exercício diariamente, inclusive com outras situações. Identifique outros hábitos que você gostaria de mudar e tente trazê-los para o nível consciente do seu pensamento.

Você desenvolveu o hábito de comer doces e isso, de alguma forma, prejudica o seu objetivo de uma alimentação mais saudável? Ou você deixou de responder as mensagens de amigos e isso faz as pessoas se afastarem ou pensarem que você não tem valorizado a companhia delas?

Esses são exemplos de como é possível utilizar essa estratégia para identificar e trabalhar diversos hábitos que podem estar atrapalhando o seu dia a dia e você nem se deu conta. 

Comece agora, faça o teste e sinta os benefícios para sua vida.

Webinar descobrindo PNL