Como lidar com adversidades tumb

Como lidar com adversidades

As adversidades fazem parte da vida de qualquer pessoa. Descobrir como lidar com elas é essencial.

O mundo corporativo está sujeito e várias situações de adversidades. De acordo com o dicionário, podemos definir o significado de adversidade como “sorte adversa, infortúnio, desgraça”.

As adversidades vão acontecer. O mais importante é saber qual o impacto que ela exerce sobre você. Afinal, sua forma de encarar a situação poderá ou não ser um fator de estresse na sua vida.

Por exemplo, se imagine na seguinte situação: a empresa que você trabalha está passando por uma crise, você ouviu dizer que muitas pessoas serão demitidas. O que você faz? Uma resposta comum para esse momento é ativar seu networking, enviar CV’s, procurar um headhunter. O restante do seu tempo, você passa discutindo com seus colegas de trabalho sobre a situação.

No entanto, existe outra opção também: você começa a trabalhar muito mais do que o habitual, procura trazer resultados consistentes, cria um grupo de redução de custos e ajuda seu chefe a “acabar” com as historinhas.

Em qual grupo você está? Examine suas respostas e veja abaixo.

1º. Grupo – QA Baixo
2º. Grupo – QA Alto

O que é QA?

É o nosso Quociente de Adversidade, ou seja, a forma de reagimos perante as situações de estresse.

Um QA Baixo está relacionado ao comportamento de achar que os problemas são enormes, com dificuldade de ver seu fim. Essa pessoa também pode culpar os outros, muitas vezes perdendo tempo ao procurar quem é o culpado, ao invés de achar uma solução. Também foca foca na parte do problema que não pode controlar.

Já as pessoas de QA Alto limitam o tamanho do problema, procurando ver o tamanho real da situação. Sempre há uma saída, porque o problema nunca é tão grande. Ao saber que uma dificuldade é limitada, é possível compreender que ela irá passar. Assim, fica mais fácil focar na parte do problema que pode ser controlada.

O que fazer para se tornar uma pessoa de QA Alto?

Ter seus objetivos bem claros, quando você sabe o que quer não cai em armadilhas;
Aprender com os erros;
Focar sempre nas soluções, ninguém quer do lado alguém que fique somente apontando os problemas… traga soluções.
Autoconhecimento. Saber as situações que te geram estresse podem ajudar a se controlar perante elas.

Na maioria das vezes, a verdadeira “tragédia” de um problema não está nas suas consequências reais, mas, sim, na nossa atitude perante a adversidade em si.

Por isso é tão importante manter a perspectiva e relembrar constantemente dos seus objetivos pessoais e profissionais. Com a atitude e as estratégias corretas, você pode fazer com que a adversidade passe a trabalhar a seu favor.

Por: Fernanda Palácios

Guia Básico para evitar conflitos e melhorar as relações interpessoais