Como lidar com pessoas difíceis

No nosso dia a dia temos que lidar com várias adversidades.

A partir do momento que saímos de casa, ou até mesmo antes disso, já entramos em contato com diversos tipos de pessoas – nem sempre compatíveis conosco. Para que não fiquemos afetados por esses contatos, é necessário encontrar ou criar os mecanismos mais adequados para mantermos a calma e o foco.

Mesmo que busquemos ter sempre relacionamentos saudáveis, às vezes não é possível descartar algumas pessoas de nossas vidas. Encontrar uma pessoa difícil de lidar pode resultar em situações desgastantes, mas ao aprender a melhor maneira de superar esses encontros, você perceberá que tem muito a aprender nessas ocasiões.

Veja dicas para lidar com alguns dos perfis mais difíceis que costumamos encontrar no dia a dia.

Quem só reclama

Não é raro encontrarmos pessoas difíceis que têm uma visão mais negativa de todos os acontecimentos, sempre optando por reclamar de tudo. Mesmo quando elas estão certas, as reclamações recebem descrédito, pois já se tornaram comuns.

Nesses casos, busque ouvir a opinião sem se deixar atingir ou sentir a necessidade de mudar o seu ponto de vista. Argumente com tranquilidade sobre os pontos que ela expôs e tente sempre puxá-la para um lado mais racional.

Quem é agressivo

A pessoa agressiva pode perder a calma por qualquer assunto que saia do seu controle ou expectativa. Ela, com esse comportamento, tenta mostrar superioridade, por isso não tenha vergonha de se manter firme, mantendo sua voz e linguagem corporal mais calmas.

Esse tipo de pessoa muitas vezes precisa apenas de compreensão e de um bom ouvinte. E se o assunto pedir sua opinião, tente fazê-lo sem jamais culpá-la, pois poderá ser o suficiente para recomeçar uma discussão.

Quem não se decide

O principal fator para a indecisão muitas vezes é o medo. O caminho para lidar com esse tipo de pessoa é oferecer a oportunidade para que ela se expresse livremente, sem julgamentos. Em algumas ocasiões, o que a impede de fazer uma escolha é o receio de não agradar aos demais.

Quem só concorda

O principal problema com quem só concorda com tudo o que dizemos é que nem sempre a fala está de acordo com as suas ações. Ao procurarem por aprovação o tempo todo, acabam prometendo mais do que podem cumprir.

Tente demonstrar que ela pode expor opinião própria e que expressar-se é bem vindo na sua presença!

Quem sabe tudo

Quem pensa e age como se soubesse tudo acaba sendo arrogante em muitas situações. Mesmo quando ela não domina do assunto, é normal que se expressem e se sintam ofendidas caso discordem dela.

Argumente com dados quando for preciso e evite discussões que alimentem o ego dessa pessoa. Em algumas situações, apenas concordar pode ser o suficiente e o melhor caminho para tornar a convivência mais agradável.

Conheça mais sobre como lidar com as mais diversas situações difíceis em sua vida em nossas outras publicações e converse com nossos especialistas sobre PNL para encontrar as melhores soluções!

Guia básico para evitar conflitos e melhorar as relações